quarta-feira, 21 de julho de 2010

VISITA AOS ENGENHOS

Marcos Aurélio, Gibson Machado, Lohan e a coordenadora do curso

Terça-feira dia 13/07/2010 fui convidado para fazer a saudação aos alunos do IFRN que cursam Produção Cultural e em seguida os acompanhei na visita aos pontos históricos da área urbana de Ceará-Mirim e, também, visitamos os engenhos do vale.
Foi muito gratificante a companhia da turma do IFRN. Quando fiz a saudação à turma estavam presentes professores, alunos e Marcos Aurélio que foi a pessoa que articulou a aula de campo. No Mercado Público se juntou ao grupo o guia Lohan, rapaz competente e muito dedicado em estudar a história do município.
A primeira visita foi à Prefeitura onde a turma foi recebida pelo sr. Marcelo, secretário de Turismo e em seguida pelo vice prefeito Luiz Antonio.

Gibson Machado falando sobre a matriz de Ceará-Mirim

Na Estação Cultural a turma foi recepcionada por Edvaldo Morais representando a Fundação Nilo Pereira que deu as Boas Vindas a turma e em seguida fiz algumas projeções de fotografias antigas retratando a história de Ceará-Mirim.

A parada na ruína do engenho Guaporé deixou alunos e professores inconformados com o atual estado de abandono daquele patrimônio municipal. A situação do prédio está cada dia lastimável e as autoridades do Estado não tomam nenhuma providência.

Seria interessante que nossos líderes políticos fizessem os atuais candidatos a governador assinarem um termo de compromisso com Ceará-Mirim para restaurar o Guaporé e construir a Casa de Cultura em nossa cidade.

Prosseguindo a viagem fomos até o engenho Nascença quando fomos recebidos por Sheila Varella que abriu a casa grande do engenho para que os alunos vivenciassem um pouco da história de Ceará-Mirim através da família Varella representada pelo Barão Manoel Varella do Nascimento e sua descendência. Ali estão guardadas verdadeiras relíquias históricas do muncípio.


Cabriolé que pertenceu a José Felix filho do barão de Ceará-Mirim - enegnho Nascença


Além de visitar os antigos engenhos tivemos o privilégio de sermos recebidos pelo ambientalista Luiz Correia em seu espaço cultural no Rancho Boca da Mata que nos presenteou com um verdadeiro museu cujas peças são bem diversificadas e contam retalhos da história da gente do vale.

Rancho Boca da Mata - no centro de azul Luizinho Correia e professores de IFRN


A última parada do roteiro foi no engenho Verde Nasce quando a turma foi recebida pelo ex-vereador Franklin Marinho profundo conhecedor da história de Ceará-Mirim. Franklin falou sobre a origem da cidade e a histórica econômica do município, seu apogeu e sua decadência. Emocionado declarou seu amor e carinho pela terra querida.


Engenho Verde Nasce - no centro Frankllin Marinho

Finalmente retornamos a Ceará-Mirim com a certeza de que cumprimos a nossa parte apresentando a cidade e seus encantos àqueles futuros produtores culturais, pois Ceará-Mirim tem muita história e lugares maravilhosos que precisam ser mostrados ao mundo.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário